Giro de Estoque: calcule como o mestre da Gestão Empresarial

Giro de Estoque: calcule como o mestre da Gestão Empresarial

O giro de estoque é um indicador importante não só para o controle do estoque de uma empresa, mas para sua gestão empresarial como um todo. É a partir desse número que se pode medir o desempenho de vendas, encontrar oportunidade de aumentar os lucros e muito mais!

Veja agora o que é o giro de estoque, seu impacto na gestão empresarial e aprenda a usá-lo para impulsionar as vendas do seu negócio.

O que é giro de estoque e qual sua função dentro da gestão empresarial

O giro de estoque é um índice que representa a rotatividade dos bens e sua renovação dentro do inventário da empresa. Na prática, esse indicador nada mais é do que um demonstrativo da rotatividade dos itens dentro do seu estoque.

A partir dele é possível entender o tempo médio dos produtos dentro do inventário da sua empresa e quanto tempo o negócio gasta até precisar repor o que sai de lá.

Para a gestão empresarial, o giro de estoque é um indicador que impacta em diversos pontos. Em primeiro lugar, o giro de estoque pode servir para representar o desempenho da empresa.

Por meio do cálculo do giro é possível entender a saída dos produtos, o que está “encalhando” no estoque e pensar em ações para dar vazão a produtos que não vendem bem.

Dessa forma, o indicador fornece dados importantes às equipes comerciais e de marketing, que podem elaborar estratégias mais efetivas para promover e vender tanto o que tem maior procura quanto o os itens que estão parados no inventário.

Além disso, também é possível planejar melhor a compra e reposição de itens de acordo com a necessidade baseada na sua saída comprovada pelo giro dos produtos no inventário.

Como calcular o giro de estoque

Agora que sabemos da importância de acompanhar o giro de estoque na sua gestão empresarial, vamos à prática. Como chegar a esse índice?

A conta que deve ser feita é relativamente simples. Para chegar ao resultado do giro de estoque basta calcular a razão entre os itens vendidos em um determinado período em relação ao total de itens armazenados.

Resumindo, podemos chegar à seguinte fórmula para executar passo a passo:

Defina o período do cálculo;
Calcule o volume total de produtos vendidos no período;
Encontre o volume médio de itens no estoque dentro do mesmo período.

Assim, chegamos à fórmula:

Vendas no período / Estoque médio no período = Giro de estoque

Em um exemplo prática, imagine o dono de uma loja de camisetas, que vende uma média 4800  camisetas por ano. Esse gerente consegue identificar que, em um mês comum, seu estoque comporta uma média de 200 peças. Assim, seu cálculo seria: 4800 / 200 = 24 giros por ano.

Agora, com esse número em mãos, o lojista do exemplo poderá pensar em como aumentar o giro do estoque, a lucratividade e até resolver problemas da sua gestão empresarial.

Impulsionando vendas e faturamento com o giro de estoque

Como falamos acima, o giro de estoque é importante na gestão empresarial pois impacta várias áreas do negócio.

Muito além da parte administrativa da empresa, as áreas de marketing e o comercial podem usar esse índice para impulsionar o faturamento da empresa – e ajudá-la a crescer!

A partir do giro de estoque, o comercial da empresa deve, antes de mais nada, desvendar como está a relação entre oferta e demanda dos produtos disponíveis. A percepção do comercial deve estar sempre alinhada aos números do estoque para que seja medido, inclusive, o retorno dos esforços de venda.

Dessa forma, o comercial saberá exatamente quais produtos requerem mais ou menos esforço para ter saída no estoque.

Já as áreas de marketing terão em mente o que deve ser trabalhado em ações especiais para aumentar o giro de estoque e dar maior saída às peças. Munida de dados do estoque, além disso, o marketing consegue se planejar e dar maior importância não só aos principais itens, mas também a ações específicas para vendê-los corretamente.

Saber o giro de estoque também impacta nos números da empresa, como no capital de giro, e pode ser uma informação estratégica para a gestão financeira do seu negócio.

Pensando nisso, use desse dado para construir um controle financeiro otimizado e automatizado. A partir daí será possível pensar na sua gestão empresarial de forma sistêmica e mais inteligente, conseguindo por consequência melhores resultados. Para te ajudar nessa tarefa, considere conhecer o sistema de gestão financeira da Hinova. Trata-se de um software completo e eficiente na gestão do estoque e todos os outros pontos do seu financeiro. Clique aqui para conhecer e saber mais sobre essa solução!

No Comments

Sorry, the comment form is closed at this time.