O Ticket Médio e o Controle Financeiro: entenda a relação

O Ticket Médio e o Controle Financeiro: entenda a relação

Quem vende qualquer tipo de produto ou serviço já deve ter ouvido falar sobre ticket médio. Esse valor é importante de ser acompanhado em todo tipo de negócio pois diz muito sobre as vendas, lucros e finanças de uma empresa. É a partir do ticket médio também que se torna possível impulsionar as vendas, encontrar as melhores oportunidades de produtos e serviços para oferecer, e melhor ainda: tornar o controle financeiro ainda mais eficiente.

Saber calcular o ticket médio e o que fazer para aumentá-lo é uma preocupação constante, mas vamos fazer mais neste post. Além de buscar maior faturamento, vamos falar também da importância do ticket médio para sua estratégia de controle financeiro.

Veja o que você vai aprender neste artigo:

  • O que é ticket médio
  • Como calcular seu ticket médio
  • Importância do ticket médio para as vendas e lucros
  • Ticket médio no controle financeiro
  • Dicas para aumentar o seu ticket
  • E muito mais!

Continue lendo para descobrir tudo isso!

O que é o ticket médio de um negócio

O ticket médio é um índice que representa um valor simples mas importante para as vendas de uma empresa. Ele é, de fato, um indicador de performance. 

A palavra ticket remete ao valor final de uma compra. Em uma “notinha” de supermercado, por exemplo, é o valor impresso no final, com a soma de todos os itens comprados.

O ticket médio, então, como o próprio nome já indica, é a média calculada dos valores gastos em produtos ou serviços de uma empresa. Ele representa o valor que se tem em mente para calcular o faturamento que cada venda resulta em média nos negócios.

É com esse indicador que se torna possível entender melhor os lucros por venda e o retorno dos esforços de marketing e vendas da sua empresa.

Como calcular o seu ticket médio

Antes de pensar em aumentar o tamanho do seu ticket, você precisa saber por onde deve começar.

Para calcular o tamanho do ticket médio, você precisa de seus valores unitários e quantas vendas você fechou em um determinado período. O espaço de tempo a ser considerado deve ser um período normal, sem grandes alterações ocorridas nos números de vendas.

Uma empresa de varejo de roupas, por exemplo, pode sofrer com sazonalidade. Uma loja de moda praia certamente terá um inverno de lucros mais baixos e, portanto, não deve considerar apenas esse período para levantar seu ticket médio, já que o consumidor estará menos propenso a gastar.

Para evitar períodos ruins ou números imprecisos que cobrem apenas um pequeno período, selecione um intervalo de tempo maior como ponto de partida para o cálculo. Experimente usar, se possível, o período dos últimos 12 meses

Dessa forma, vamos à prática. Para calcular o ticket médio será preciso levantar dois números: o valor total faturado e o número de pedidos.

Para calcular um ticket médio, pegue o volume de faturamento e divida pelo número de transações para igualar o tamanho do ticket. Nesse modelo, imagine um faturamento de R$ 150 mil registrados nos primeiros três meses deste ano.

Se, nesse período, foram fechadas 10 vendas distintas, é só dividir o faturamento por 10 e chegar a um ticket médio de R$ 1.500.

Controlar essa conta parece fácil e é mesmo. Mas não pare por aqui! Vamos continuar aprendendo mais sobre o assunto e veremos agora como trabalhar com seu ticket médio a seu favor – e a favor de seu controle financeiro!

Importância do ticket médio para as vendas e lucros

Agora você já sabe como chegar até o valor do seu ticket médio: mas por que se preocupar com isso? Antes de mais nada, o ticket médio funciona como uma bússola para uma série de estratégias da administração de um negócio.

Logo de cara é possível perceber se os esforços de marketing e de toda a captação de clientes está valendo a pena. Isso é possível cruzando os números do ticket com o que é empenhado em esforços para converter uma venda. 

O ticket do seu negócio também mostra se, em média, o faturamento está alinhado com o que é pago para manter o negócio funcionando e entregando seus produtos e serviços.

O tamanho médio do ticket depende muito do comportamento do cliente e do tipo de negócio. Por exemplo, um estabelecimento de fast food geralmente tem clientes que compram alguns itens de baixo custo.

O tamanho médio do ticket de cada cliente é, portanto, relativamente baixo. Em uma loja de móveis, no entanto, os clientes podem gastar muito mais, além de pagar por garantias e taxas de entrega. O tamanho médio do ticket é, portanto, relativamente alto.

Ticket médio no controle financeiro: por que se preocupar?

Antes de ressaltarmos a importância de se calcular a média de preço por venda do seu negócio dentro da gestão financeira, vamos recapitular o porquê dessa prática ser tão importante também.

O controle financeiro é uma parte importante da gestão de empresas de sucesso. Acompanhar de perto os números da empresa é uma forma de obter vantagens estratégicas para otimizar o trabalho e projetar um futuro melhor.

O controle financeiro bem feito é a porta de entrada para muitos fatores de sucesso de um negócio. Quem controla bem as suas contas, têm o futuro da empresa na palma da mão, pois vai saber como gastar com segurança.

Além disso, fazer uma boa gestão das finanças permite ao empreendedor continuar com o crescimento da organização, minimizando prejuízos e enxergando as oportunidades de investir corretamente.

Pensando nisso, onde entra o ticket médio? Como ele pode fazer parte de um controle financeiro de sucesso? O ticket médio, na estratégia de controle financeiro, é um número que deve ser acompanhado bem de perto.

Em primeiro lugar, por se tratar de um índice que representa uma média de faturamento. O valor do ticket é importante para nortear o lucro e quanto do dinheiro revertido em venda efetivamente fica ou sai do caixa da empresa em seguida.

Com o valor do ticket médio também fica mais fácil manter a empresa fora do vermelho. A partir desse número, que representa uma média, é possível fazer projeções de pagamentos, de contas e taxas que utilizarão o dinheiro que entra com as vendas.

É pelo ticket médio que o controle financeiro da empresa pode encontrar a margem de lucro das vendas e, assim, verificar o status do fluxo de caixa do negócio.

Dicas para aumentar (e manter elevado) o ticket médio

Existem várias maneiras de aumentar seu ticket médio e aumentar sua receita. O primeiro envolve realizar um upselling dos seus produtos.

Isso exige conhecimento da seleção de produtos vendidos, identificando os que tem mais saída e os que não têm, mas que são mais caros. A ideia do upselling é mostrar e oferecer soluções a um cliente que, ao gastar um pouco mais em um item de maior qualidade, eles obterão muito mais valor de sua compra e um produto melhor.

Outra opção para aumentar o seu ticket médio especialmente em empresas menores e no varejo é oferecer soluções de pagamento diferentes e mais flexíveis.

Clientes têm um orçamento, assim como uma empresa, mas geralmente é mais apertado e tem menos espaço de manobra do que uma empresa, por exemplo. Se você puder oferecer aos seus clientes uma maneira de pagar por compras maiores em fases ou parcelas, eles estarão mais propensos a comprar mais itens ou quantidades maiores de itens em uma única compra.

Isso permite que os clientes comprem o que precisam e paguem por ele ao longo de vários meses, em vez de ter que colocar todo o montante no início do processo ou pagar altas taxas de juros até que a dívida seja paga. O resultado final é clientes mais inclinados a gastar um valor maior em cada compra.

Outra dica importante é reforçar os esforços de marketing e vendas do negócio. Um time mais preparado para vender e um investimento mais forte em marketing podem impulsionar mais vendas e um faturamento maior em cada uma delas.

Saber o que oferecer, quando oferecer aos clientes e como convencê-los a gastar mais com produtos e serviços é a estratégia que deve ser adotada.

Para aprimorar essa ideia também é viável fazer promoções que levem o cliente a investir mais. Um bom exemplo são as promoções que oferecem descontos e condições especiais, como frete grátis, em compras acima de determinado valor. Para aproveitar a promoção, o cliente acaba investindo um pouco mais e elevando assim o ticket médio.

Por fim, conheça os números da sua empresa em um nível íntimo. Certifique-se de acompanhar o seu ticket médio e fale com suas equipes de vendas e finanças para descobrir formas de aumentar o valor que seus clientes estão gastando em uma única transação. Se você atender aos seus clientes e às suas necessidades, eles também serão capazes de realizar o seu.

Depois de trabalhar duro para calcular e aumentar o ticket médio, seu controle financeiro deverá ser muito bem feito.

Para garantir um controle financeiro minucioso, eficiente de verdade e totalmente automatizado, conheça o Sistema de Gestão Financeira da Hinova. Veja mais informações sobre essa solução aqui!

Deixe seu comentário aqui

comentários